Polícia faz operação contra fraudes e prende servidores do Detran em Teresina

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta quinta-feira (30) a operação ‘Hidra de Lerna’, com objetivo de desarticular uma organização criminosa responsável por fraudes na comercialização de veículos e confecção de documentos falsos.  Até às 7h30 da manhã, 14 alvos já haviam sido presos, incluindo dois servidores do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), empresários e outros agentes públicos. 

Os trabalhos estão sendo coordenados pelo 13º Distrito Policial, com apoio do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) e outras unidades especializadas da Polícia Civil. 

Segundo o delegado Odilo Sena, titular do 13º DP, as investigações contra o esquema criminoso tiveram início em março do ano passado, após a Procuradoria Jurídica do Detran encaminhar informações e documentos sobre uma suspeita de fraudes na confecção de documentos de veículos, que muitas vezes sequer existiam. 

Os presos da operação foram levados para a sede do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco), onde devem prestar depoimento. Na sequência, eles devem ser encaminhados para o sistema prisional.

Cidadeverde.com procurou a administração do Departamento Estadual de Trânsito(Detran), que até agora não se manifestou sobre a operação policial e a prisão de servidores. (Natanael Souza)

Deixe uma resposta