Themístocles defende que Rafael Fonteles deixe Sefaz em fevereiro

De olho na vaga de vice, deputado do MDB quer definição da chapa antes de abril.

Deputado estadual Themístocles Filho (Foto: Reprodução/TV Band Piauí)

O deputado estadual Themístocles Filho (MDB) não concorda com a decisão do governador Wellington Dias (PT) de manter Rafael Fonteles no cargo de secretário de Fazenda até o início de abril. Para o deputado, que pleiteia a vaga de vice-governador na chapa com Rafael, o secretário deveria deixar o comando da Sefaz já no mês de fevereiro.

“O que que eu advogo? Eu acho que o Rafael, candidato a governador da nossa ala, deveria sair da secretaria agora em fevereiro ou antes do final de março. Ele deveria sair e não esperar o último dia [permitido pela legislação]. Para ser lançado oficialmente por todos como candidato a governador, mas fora da secretaria.”, defendeu.

Themístocles justifica que faltam menos de nove meses para o dia da eleição e acha que não é prudente deixar para lançar Rafael Fonteles apenas em abril. As eleições de 2022 serão realizadas em 2 de outubro. Por lei, os secretários estaduais que queiram ser candidatos podem ficar nos cargos no máximo até 2 de abril, seis meses antes do pleito.

“Eu nem falei com Rafael e nem falei com o governador sobre isso. Não sei nem se eles estão gostando do que eu estou dizendo. Mas muita gente não sabe que faltam menos de nove meses para o dia da eleição. As vezes a pessoa diz: ‘Deixa passar o Carnaval, deixa passar a Semana Santa’. Mas falta pouco tempo para a eleição chegar. Menos nove meses.”, alertou.

Sobre a vaga de vice na chapa que deve ser encabeçada por Rafael, o deputado mostrou confiança de que vai ser o escolhido. “Eu acredito que vai dar tudo certo.”, respondeu.(Gustavo Almeida/Lupa1)

Deixe uma resposta