Presidente da Câmara de Luís Correia é acusado de assediar adolescentes

Um adolescente 16 anos diz que o vereador o chamou para ter relações sexuais e enviou foto do órgão genital.

O presidente da Câmara Municipal de Luís Correia, Artranho Mota (PL), mais conhecido como Homem do Chapéu, foi acusado de assédio sexual pelo sobrinho de sua esposa. O adolescente de apenas 16 anos, mostra print onde o tio manda foto do órgão genital.

A vítima estava com familiares na residência de Artranho. Ele diz que quando se retirou para dormir foi surpreendido com mensagens no Whatsapp, enviadas pelo acusado, pedindo para que eles tivessem relação sexual.

‘’As 4h da manhã, eu estava jogando com meus amigos e o Tio Artranho perguntou se eu ia dormir lá fora. Disse que ia dormir aqui e ele foi pra casa dele. Passou 15 minutos ele me ligou, recusei. Ele me ligou mais duas vezes eu recusei. Foram três vezes. Ele perguntou o que eu estava fazendo, e eu disse que estava jogando. Ele começou a mandar foto do órgão dele e falando que era isso que eu queria’’

A mãe do jovem que é cunhada do acusado, contou que sua irmã, esposa do vereador, pediu para que a família não prosseguisse com a denúncia. Ela diz que não é a primeira vez que isso acontece, e que a um tempo atrás, o vereador fez a mesma coisa com uma sobrinha, mas a família ficou com medo e não prosseguiu com acusação. 

Ela ainda lamenta, pois foi marcada uma audiência pública e a família não sabe como conseguirá pagar um advogado. A mãe da vítima desabafa: ‘’Sabe que no Brasil a justiça é lenta, principalmente pra gente que é pobre, que não tem dinheiro que nem ele (Artranho)’’. 

O Lupa1 tentou entrar em contato com o vereador mas não obteve resposta.(Renato Carlos/Lupa1)

Deixe uma resposta