Vereadores constatam: Pronto Socorro Pediátrico da Prefeitura não funciona

O vereador Zé Filho Caxingó publicou em suas redes sociais um vídeo onde comenta a situação em que se encontra o Pronto Socorro Pediátrico do Município. Segundo ele, não está tendo atendimento como deveria. Apenas um clínico geral realiza o acompanhamento das crianças que precisam de atendimento. Zé Filho, que é líder da oposição, fez uma visita “in loco” no Pronto Socorro Municipal, acompanhado de outros vereadores. Ele disse que vai cobrar da prefeitura a contratação de um pediatra, um especialista em atendimento infantil, para que atenda a população. 

Vereador Zé Filho Caxingó com os vereadores Renatinho e enfemeiro Taylon

“Isso justifica o porque do Hospital Dirceu estar tendo uma superlotação com atendimento pediátrico”, pontuou o vereador, confirmando o que declarou a este blogdobsilva,  na semana passada, o diretor do Heda, Daniel Miranda., ao afirmar que a grande busca por atendimentos naquele Hospital são as falhas na atenção básica. “O Hospital Dirceu é um hospital de urgência e emergência, num grau de  complexidade maior, mas a gente percebe que muitos pacientes  que buscam o hospital são de triagem verde, que poderiam buscar atendimento numa unidade básica de saúde ou no Pronto Socorro Municipal”. 

Daniel Miranda – Diretor Geral do HEDA

Há poucos dias o também vereador André Neves publicou na imprensa que tão grave quando o problema das UBS (onde há muitas carências) é a questão do Pronto Socorro Pediátrico Municipal. Ele lembra que chegou a destinar R$ 66 mil em emendas para o funcionamento do mesmo, mas este nunca chegou a atender como deveria e nem oferece pediatra de plantão 24 horas por dia., confirme era a proposta inicial do governo municipal.

Deixe uma resposta