Mulher de 32 anos morre eletrocutada ao tentar ligar geladeira em Buriti dos Lopes

Uma mulher morreu eletrocutada ao tentar ligar geladeira na manhã deste domingo (28/11), no bairro Acampamento, em Buriti dos Lopes, no Norte do Piauí. As informações são do Portal do Rurik. 

Mulher morre após choque elétrico em residência

Nayara Nascimento dos Santos, de 32 anos, foi vítima de uma descarga elétrica ao tentar manusear um cabo de energia elétrica de uma geladeira. Uma parte do fio estava desencapado.

O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi acionado e encaminhou a vítima para o Hospital Dr. Estadual Marinado Lucas de Sousa, em Buriti dos Lopes, porém, os paramédicos constataram o óbito.

Comerciante é morto com 3 tiros no bairro Parque José Estevão em Parnaíba

O comerciante Edgar Leocadio de 47 anos foi assassinado a tiros, na tarde deste domingo (28) na Rua Maria das Graças Dourado no bairro Parque José Estevão em Parnaíba, o crime tem características de execução.

O crime aconteceu por volta das 13h30. Segundo informações Edgar estaria indo fazer uma cobrança quando recebeu os disparos. A vítima foi atingida com três tiros.

Em seguida, os homens fugiram do local. Ainda de acordo com informações, nenhum objeto ou dinheiro foi roubado. Edgar teria ido ao encontro dos executores.

Policiais do 2º BPM foram acionados, mas já encontraram a vítima sem vida, foram feitas buscas na região desde que aconteceu o crime, mas nenhum suspeito foi localizado ou identificado. O crime deve ser investigado pela Delegacia de Homicídios, Tráfico de Drogas e Latrocínio (DHTL). Fonte:Click Parnaíba)

Comissão entrará na discussão sobre regularização de áreas no litoral

Após audiência pública realizada na Comissão de Comissão de Infraestrutura e Política Econômica sobre a denúncia de apropriação ilegal de terras e a falta de regularização fundiária no município de Cajueiro da Praia, no litoral do Piauí, a Comissão de Estudos Territoriais (CETE) da Assembleia Legislativa também vai discutir a questão. A Comissão é presidida pelo deputado Franzé Silva (PT).

A Comissão é presidida pelo deputado Franzé Silva (PT) - Foto: AlepiA Comissão é presidida pelo deputado Franzé Silva (PT) – Foto: Alepi

“Está claro nesta situação que há um litígio entre particulares e o município e o fórum mais adequado para dirimir estas dúvidas é a Comissão de Estudos Territoriais, que tem uma subcomissão que trata dos litígios entre particulares e entes públicos. E dentro da CET nós temos vários órgãos representados como APPM, INTERPI, OAB que tratam desses assuntos inclusive juntamente com isso, a demarcação de áreas, que é feita pelo IBGE e pela SEPLAN, que também participam da Comissão de Assuntos Territoriais da Assembleia Legislativa”, destacou Franzé Silva.

O parlamentar acrescentou que após a discussão do assunto na CETE, um Projeto de Lei será apresentado ao Plenário da Assembleia dispondo sobre a questão fundiária no litoral do Piauí.

A deputada Teresa Britto (PV), que levou a questão ao Legislativo, defendeu que o Ministério Público Federal entre com uma ação civil pública e acompanhe de perto a situação no município.

“O Ministério Público Federal precisa pedir o cancelamento do RIP (Registro Imobiliário Patrimonial) à SPU (Secretaria de Coordenação e Gestão do Patrimônio da União). Teremos também uma reunião no dia 06 de dezembro lá em Cajueiro da Praia, mas vamos também encaminhar todo o andamento da discussão para a Comissão de Estudos Territoriais da Assembleia para que nós possamos sim, ter mais o apoio dessa comissão na resolução dessa problemática”, propôs a deputada.

João Doria vence prévias e é escolhido como candidato do PSDB à Presidência

O governador de São Paulo, João Doria, venceu as prévias e foi escolhido, como candidato do PSDB, neste sábado (27/11), para concorrer à Presidência da República nas eleições de 2022.

Governador de São Paulo, João Doria (Foto: Reprodução)

Doria conseguiu 53,99% de aproximadamente 30 mil votos, superando Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul, com 44,66% e Arthur Virgílio, ex-prefeito de Manaus, com 1,35% após intensa e tumultuada disputa interna.

A votação, que foi aberta novamente neste sábado por meio de um novo aplicativo, aconteceu após um provável ataque hacker contra o aplicativo usado pelo partido no último domingo (21/11), quando as prévias foram suspensas depois de uma interrupção do sistema.

Foram registradas ao menos 26 mil tentativas externas de acesso à aplicação das prévias, segundo o levantamento divulgado pela legenda. Todos os ataques teriam sido realizados fora do Brasil, fazendo com que fosse bloqueado o registro de votos dos filiados no exterior. Falhas que foram minimizadas por Bruno Araújo, presidente do PSDB.

“Só corre risco quem inova, só corre risco quem assume pioneirismos. O PSDB assumiu o pioneirismo de ser o primeiro partido do Brasil a estabelecer de forma interna uma democracia que antes de chegar no pleito da eleição não são mais quatro diante da eleição que definem o candidato, são milhares que definem em um processo de discussão democrática”, afirma o presidente.

Com informações CNN

Reunião define estratégias para o fim de ano no litoral piauiense

Representantes de diversos órgãos se reuniram no Sebrae, em Parnaíba, nesta sexta-feira (26/11) para articulação, de forma conjunto, a apresentação de ações estratégicas para implementação no litoral piauiense para temporada das festividades de fim de ano e do período de férias. A expectativa é que a região receba mais de 100 mil turistas no período, o que traz por consequência o crescimento da demanda dos serviços.

De acordo com a secretária de Turismo do Piauí, Carina Camara, é importante que todos estejam alinhados mesmo antes de tudo acontecer. “Já podemos observar que muitas pessoas esse ano devem viajar e ter o litoral como destino no réveillon. Com a reunião, é possível termos uma base prévia dos serviços a serem realizados por cada órgão e assim evitar vários problemas. A Setur frisa a importância dos empresários manterem todos os cuidados exigidos pelos órgãos de saúde, além disso, reforça também junto aos turistas a importância de continuar com todos os cuidados, entre eles, buscar por locais que já tenham adquirido o Selo Responsável de Turismo, já que este, mostra que o estabelecimento respeita todas as normas”, frisa a gestora.

De acordo com a Equatorial Piauí, foi preparado um conjunto de ações para reforçar a confiabilidade do sistema e garantir o fornecimento contínuo de energia nas cidades de Parnaíba, Luís Correia, Ilha Grande e Cajueiro da Praia.
“Em dezembro, vamos aumentar em oito vezes a quantidade de equipes disponíveis para atendimento das ocorrências no litoral. Além disso, na semana entre o Natal e o Réveillon, será disponibilizado um quantitativo extra de 10 equipes”, afirma Cosme Cezário, Superintendente da Regional Norte da Equatorial Piauí.

Ainda de acordo com o órgão, a operação conta ainda com a instalação da Subestação Móvel na Subestação Parnaíba II (beneficiando Parnaíba e Luís Correia) no período de 17 de dezembro à 3 de janeiro. A subestação móvel é um importante reforço para aumentar a confiabilidade do sistema e melhorar a regulação de tensão nos municípios de Parnaíba, Luís Correia e, em caso de emergência, atender as cargas de Cajueiro da Praia

“Não é o momento”, diz CRM em nota contra festas de fim de ano e Carnaval no Piauí

O Conselho Regional de Medicina (CRM) do Piauí emite uma nota, nesta sexta-feira (26/11), se posicionando o contrário a realização das festas de fim de ano e ao Carnaval 2022 no estado.

De acordo com o médico Dagoberto Barros da Silveira, presidente do CRM-PI, a nota é um alerta direcionado, principalmente, para as autoridades no Piauí.

“Novas variantes têm surgido e vamos falar em flexibilizar festas? Prestem atenção, ouvir os médicos e não flexibilizem. Esse não é o momento”, disse o presidente do CRM-PI à reportagem.
O médico Dagoberto Barros destacou que a diretoria do CRM-PI tem municípios visitados no interior do estado e constatado uma triste realidade.

“Somos nós que convivemos com os pacientes, arriscamos como nossas vidas para salvar a deles. O que temos visto [de aglomeração e desrespeito às medidas restritivas] não é coisa boa. Imagina como no fim de ano e no carnaval?”, Indaga o médico.

Governo antecipa pagamento do salário de novembro de servidores estaduais

O governo do Piauí antecipou o pagamento do salário dos servidores públicos estaduais, referente ao mês de novembro. O anúncio foi feito neste sábado (27) pelo secretário estadual de Fazenda, Rafael Fonteles, através das redes sociais.

De acordo com o gestor, até a próxima segunda-feira (29) o salário já deverá estar disponível na conta dos servidores. “Confirmamos que o pagamento do salário de novembro de todos os servidores públicos estaduais já foi enviado para o banco ontem e estará disponível nas contas até segunda-feira. Bom final de semana”, escreveu o secretário em uma rede social. 

Pela tabela de pagamento atual, os servidores da faixa salarial de até R$ 2 mil receberiam o salário somente na terça-feira, 30 de novembro. Já os servidores que ganham acima de R$ 2 mil teriam o pagamento creditado somente no dia 07 de dezembro. 

A antecipação da tabela de pagamento é uma estratégia adotada nos últimos meses pela equipe econômica do governo estadual para possibilitar a maior movimentação de recursos na economia. 

Em recente entrevista à TV Cidade Verde, o secretário de Fazenda Rafael Fonteles afirmou que a intenção do governo é que, em 2022, todos os servidores recebam o pagamento do salário ainda dentro do mês de trabalhado. 

Casas Bahia vai inaugurar nova loja com vários empregos em Parnaíba

A rede de lojas Casas Bahia anuncia sua primeira filial em Parnaíba, no litoral do Piauí. A nova loja será instalada onde funcionou a Eletro Fácil, na praça Coronel Jonas, centro, e a inauguração será em dezembro. As informações são do In Foco. No Piauí, há lojas das Casas Bahia em Teresina, Picos e Piripiri.

A Via Varejo S.A é a empresa que opera marcas Casas Bahia, Pontofrio, Extra.com.br e Bartira, com cerca de 50 mil colaboradores. Estando presente em mais de 400 municípios, 20 estados e no Distrito Federal e já somando mais de 1.000 lojas. Com mais de 60 milhões de clientes, registrando uma receita bruta de R$ 30,6 bilhões em 2017.

No e-commerce é um dos líderes do mercado online, com mais de 2 milhões de SKUS e 15 milhões de pedidos por ano. Os Serviços Financeiros são 7% da receita bruta da empresa, resultando em mais de 1,7 milhão de clientes ativos no CDC e 5 milhões de clientes com crédito pré-aprovado. Além disso, um dos maiores vendedores de serviços e garantia estendida do país.

Os 26 (vinte e seis) Centros de Distribuição e entrepostos equivalem a 138 campos de futebol. Com uma frota superior a 3 mil veículos, realizando duas entregas por segundo.

Facção: quatro pessoas são executadas com vários tiros em Parnaíba

Quatro pessoas foram mortas a tiros em menos de 10h em Parnaíba, litoral do Piauí. As informações são do Piauí em Dia.

Segundo o 2° Batalhão de Polícia Militar de Parnaíba, o primeiro homicídio ocorreu por volta das 21h30 desta sexta-feira (26/11), no bairro João XXIII, quando um adolescente de 16 anos, identificado por Eric Matheus da Silva, foi alvejado com tiros na cabeça.

Ainda por volta das 23h, um segundo homicídio foi registrado no bairro Rancharia, em Parnaíba, onde um homem foi assassinado a tiros. O corpo foi encontrado por populares em uma estrada vicinal crivado de balas. Vários estojos de balas, sendo de calibre 380 e 40 milímetros, foi encontrados no local. 

    Reprodução

Em seguida, às 02h30 desde sábado (27/11), uma mulher foi executada na região da Lagoa do Portinho. Ao lado do corpo estava escrito no chão CV2′, em alusão a facções criminosa.

Já o quarto homicídio ocorreu já às 05h50, em uma estrada da localidade Boa Esperança, na BR- 402, entre Luís Correia e Parnaíba. Na situação, um homem ainda não identificado, também foi morto a tiros.

A Delegacia de Combate a Homicídios, Tráfico de Drogas e Latrocínio de Parnaíba (DHTL) investigará os quatro homicídios.

Piauiense morre de infarto fulminante após final entre Palmeiras e Flamengo


Um homem natural de Boqueirão do Piauí morreu de infarto fulminante enquanto assistia a final da Libertadores entre o Flamengo e o Palmeiras, na noite desse sábado (27/11), em Minas Gerais. As informações são do Em Foco.

Ricardo Silva tinha aproximadamente  37 anos e estava acompanhado o fim do jogo quando começou a passar mal e desmaiou. A vítima chegou a ser levada ao hospital mas já chegou sem vida.

Ricardo era palmeirense e estava em Minas Gerais a trabalho. Ele deixa a esposa e dois filhos.

Opinião:”Carnaval pra quem?”

(*)Aline Midlej é apresentadora do Jornal das Dez, na GloboNews

Começo falando que eu adoro Carnaval, e esse não é o texto contra esse desejo (legítimo) de muitos. A coluna de hoje é sobre o novo choque de realidade que vem junto com a chegada dessa nova variante. Foi como um lançamento coletivo pra uma realidade que, depois de quase dois anos de Pandemia, a gente estava preferindo achar que não existia mais. Mas eis que ela reaparece com o nome Omicron, e de uma região do país historicamente negligenciada por uma comunidade internacional que brinca de se importar.

Só com a notícia da nova variante, também chegou pra muitos a informação de que, até hoje, na África do Sul, há toque de recolher para a população em função da Pandemia. Na linda e turística Cidade do Cabo, quando o relógio bate meia-noite, todos precisam estar recolhidos dentro de casa. No país mais rico do continente está o maior percentual de vacinados da África: apenas 28% da população está imunizada. Entre os profissionais de saúde, três em cada quatro trabalham sem a proteção vacinal.

O diretor-geral da OMS, há poucas semanas, foi muito claro: “a Pandemia terminará quando todo mundo decidir. Na ocasião, Tedros Adhanom também lembrou que havia cerca de 50 mil mortos toda semana, e que a crise estava longe de acabar. Mas quem quer ouvir, se já dá pra falar de Carnaval no Rio, Natal na Times Square, e programar, finalmente, aquela viagem para o exterior?

Aí esse vírus danado, que não respeita limites, divisas e fronteiras, nos impõe aquele ensinamento, de novo: se não está bom pra todo mundo, não pode estar bom pra ninguém. Só com o mundo todo protegido, estaremos todos protegidos. Tem vacina sobrando em estoques de países ricos, que adormeceram nesta sexta amargando perdas recordes no mercado financeiro. A bolsa de valores de São Paulo teve a maior queda em dois meses em função do abalo da descoberta da presença da variante sul-africana em nações europeias. Até então, estava tudo bem. Tudo bem, pra quem?

“O mundo deve fornecer apoio à África do Sul e à África, e não discriminá-los ou isolá-los. Ao protegê-los e apoiá-los, protegemos o mundo. Esse é um apelo aos bilionários e instituições financeiras”, disseTulo de Oliveira, um cientista brasileiro ajuda a rastrear nova variante da covid-19 em território sul-africano. Um apelo que vem sendo feito há meses, por um maior acesso à vacinação nos países em desenvolvimento. Às vezes sinto que merecemos esse vírus, que não aprendemos nada, com tantas perdas. Desejo estar errada.

Retorno àquela mesma coletiva do diretor da OMS, quando Tedros Adhanom reafirmou que acabar com a Pandemia “está em nossas mãos”, que dispomos de “todas as ferramentas” de que precisamos para isso, o que passa por insistir em uma distribuição mais equilibrada em todo o mundo das vacinas contra a covid-19.

Os donos de poder financeiro e intelectual precisam traduzir declarações em fatos, ideias em ações. E nós, sociedades, vacinadas e protegidas, temos o dever moral de nos manter interessados, conectados com essa tragédia humanitária que ainda testa nossa capacidade de sentir pelo outro. Continuar se cuidando é uma obrigação ética. Ah, importante lembrar: o Omicron já pode estar entre nós.

Vicente Potência lança seu primeiro livro

O pesquisador da história da Parnaíba e do estado do Piauí, Vicente de Paula Araújo Silva, conhecido nos meios intelectuais como “Vicente Potência”,  estará lançando o seu primeiro livro intitulado  “História da Região da Parnahiba – 1699-1799”.

No livro, após longa e minuciosa pesquisa, o autor  aborda temas da nossa história muitas vezes polêmicos como o da data postada no frontispício da capela da Frecheira da Lama situada a 10 km de Cocal da Estação. 

A seguir, artigo de Vicente sobre o assunto:

Para mim, após a publicação, nas páginas do Facebook, pelo conceituado pesquisador da Ibiapaba e Região da Parnaíba [João Bosco Gaspar], está esclarecida a data existente no frontispício da Capella de Frecheiras da Lama, mesmo através de história contada, pois, numa vista bem apurada, lê-se, pela parte externa da numeração no sentido horário , 1916. Mesmo assim, procede a narrativa exposta no livro de minha autoria ESTÓRIA DA REGIÃO DA PARNAHIBA-1699 A 1799 – VILLA DE NOSSA SENHORA DE MONSERRATHE DA PARNAÍBA E VILLA DE SÃO JOÃO DA PARNAÍBA, onde fiz alusão à construção da capela em 1781, e refiro-me  ao desafio da existência de 1616 no frontispício da capela, mencionando algumas possibilidades na sua existência, o que não as inválida como local estratégico na região, pois lá foram edificadas a fazenda e o oratório. Para mim está valendo a data 1916 em vez de 1616, pois a dinâmica da história está sempre apresentando novos fatos no seus anais.

A importância dessa informação pode ser mensurada no seu conteúdo através da publicação de João Bosco Gaspar a seguir : “1916 – REBOCO COM CAL E AREIA. Construída no ano de 1781 pelo mestre de campo Diogo Alves Ferreira e sua esposa dona Thomazia Ferreira de Veras, coube aos fabriqueiros da capela de Nossa Senhora do Rosário das Frecheiras da Lama, o capitão Ignácio Luiz de Almeida e seu filho Frederico Gomes de Almeida, a manutenção e o zelo do suntuoso templo. A incumbência tomada no ocaso do século XIX, adentrou o século XX com mesmo vigor, de modo que, o capitão Ignácio não poupou esforços no zelo e melhoramento da capela. E assim, no ano de 1916, procedeu o reboco com cal e areia na fachada do dito templo, consignando naquela empreitada a data do seu ato de fé… 1916.”

O lançamento de “História da Região da Parnahiba – 1699-1799”,será no dia 10 de dezembro no auditório dos Portos das Barcas, às 19 horas.(Blog do Professor Gallas)

Wellington Dias alerta que as festividades carnavalescas de 2022 podem não acontecer

Governador Wellington Dias (PT) (Foto: Reprodução/Instagram)

O Piauí pode não ter as tradicionais festividades carnavalescas em 2022, por conta da situação atual da Covid-19 e ameaça de novas variantes da doença. A fala foi confirmada pelo governador Wellington Dias (PT) nessa quinta-feira, 25 de novembro, em visita à Unidade Escolar Heli Sobral, no bairro Mocambinho, zona Norte de Teresina.

Segundo o chefe do executivo estadual, a tendência é que as festas de Carnaval em 2022 possam não ser celebradas e que os municípios não devem se arriscar ao realizarem grandes eventos e, consequentemente, provocarem aglomeração de pessoas

“Com a ameaça de novas variantes e na realidade de hoje, a orientação é não arriscar com eventos grandes e com grande público internacional e em contato com público do Brasil inteiro”, argumentou o governador.

Por fim, o governado salientou que o Governo do Estado vai seguir todas as recomendações do Comitê Científico, e que mais em breve a temática será discutida. O governador disse ainda que o assunto deverá ser conversado entre os meses de dezembro e janeiro próximos. (OitoMeia)

 

Procon flagra “desconto fake” e autua lojas de Teresina durante a Black Friday

Equipes do Procon autuaram nesta sexta-feira (26) duas lojas de eletrodomésticos que apresentavam falsas promoções de Black Friday em Teresina. Os estabelecimentos se utilizaram da prática conhecida como “maquiagem de preços”, quando os produtos são reajustados dias antes da promoção para sofrerem descontos na data, voltando ao preço original. 

Ao todo, 12 estabelecimentos foram fiscalizados nesta sexta-feira em Teresina. As duas lojas autuadas ficam no centro e na zona leste, respectivamente, e não tiveram os nomes divulgados pelas equipes de fiscalização. 

De acordo com o chefe de fiscalização do Procon, Arimateia Area Leão, uma das lojas autuadas reajustou o preço dos produtos em até 16% nos últimos dias. “Eles aumentavam o preço para poder dar esse desconto. Em alguns casos, o preço cobrado na Black Friday estava mais alto do que o que estava antes. Isso não é uma promoção, é lesar o consumidor”, destacou. 

As lojas onde foram flagradas as irregularidades foram notificadas e terão que esclarecer os motivos que levaram à mudanças nos preços. Além disso, os estabelecimentos poderão ser multados. 

O balanço da ação desta sexta-feira foi considerado positivo pelo chefe de fiscalização do Procon.  Ele avalia que o baixo índice de estabelecimentos autuados diz respeito à divulgação de uma tabela com preços de produtos ofertados antes do período da Black Friday, com objetivo de permitir que o consumidor compare os preços da data promocional com os que eram ofertados fora do período.  (Clique aqui para acessar a tabela).

“Foi um percentual baixo de autuação. Acredito que, como divulgamos a tabela de preços, muitas lojas ficaram com medo de fazer maquiagem. De 12 lojas fiscalizadas, só foram duas autuadas”, avaliou Arimateia Area Leão. (Natanael Souza)

Aliados tentam tirar Bolsonaro das eleições: “Quer que o Lula vença?”

Bolsonaro derretendo

DCM– Aliados importantes de Bolsonaro querem tirá-lo da disputa para as eleições de 2022. O argumento de políticos do Centrão, ligados ao governo, é de que há um risco iminente de Lula vencer. A estratégia traçada pro este grupo minoritário do Planalto, é convencer o presidente a não disputar a reeleição no ano que vem. Na visão deles, com isso, o petista seria enfraquecido por outro rival.

Após uma pesquisa interna que Bolsonaro recebeu, mostrando que sua situação é delicada, o burburinho começou. Fontes ligadas ao Planalto indicam que há um movimento para tentar convencer Bolsonaro a não concorrer à reeleição. Eles já teriam dito ao presidente a proposta, mas não foi bem recebida num primeiro momento. “Houve bate boca e o presidente não quis nem ouvir o resto da ideia”, disse uma fonte.

A intenção, no entanto, do grupo é convencer o presidente a mudar de ideia. Sem muita perspectiva de melhoria na economia, parte do Centrão acredita que Bolsonaro já perdeu. “Sem emprego e sem comida, não há vitória”, teria dito um deputado em reunião para debater o tema. A pesquisa interna mostrou que, sem Bolsonaro, tanto Moro quanto Ciro ganham espaço. Por mais que Bolsonaro resista, a frase dita a ele foi forte. “Quer que o Lula vença?”, teria perguntado um aliado.

Bolsonaro fora da disputa

Segundo a defesa deste grupo, sem Bolsonaro, Moro poderia ganhar protagonismo. O pré-candidato do Podemos chegaria até a 25% das intenções de voto. “Ele poderia antagonizar uma campanha com o Lula e aí seria outros quinhentos”, diz um deputado bolsonarista. A ideia seria esvaziar o discurso de fome e miséria, já que o atual presidente não estaria disputando.

A fonte do DCM, no entanto, afirmou que a ideia é de um grupo minoritário do Planalto e do Centrão. A maioria segue apoiando Bolsonaro e quer o presidente disputando a reeleição. De todo modo, o que antes parecia uma teoria da conspiração, passa a ganhar força no Planalto. Ninguém estranharia se, no fim das contas, ele não for candidato e deixar Moro, Lula e Ciro disputando.(pensarpiaui)

SINDSERM Parnaíba repudia grosserias do prefeito Mão Santa assacadas contra servidores municipais

O SINDSERM PARNAÍBA  vem a público, e em especial a seus filiados, repudiar a postura e as palavras “indizíveis” a qualquer ser humano, muito menos e em especial aos servidores públicos, proferidas pelo Excelentíssimo Senhor Prefeito Municipal de Parnaíba. Os servidores municipais, inclusive os profissionais de enfermagem e odontologia exercem com amor suas atividades, e se muitas vezes não atendem a contento as necessidades públicas se deve muito ao fato da “falta” de estrutura e condições de trabalho do que da vontade do servidor, que muitas vezes tira do próprio bolso para suprir necessidades básicas de seu local de trabalho.

Esse é nosso repúdio, não somos “vagabundos” “baderneiros” e nem “desocupados” somos servidores efetivos do povo, e por eles vamos sempre continuar nossa luta, aqui “ninguém solta a mão de ninguém”

‘Moleques’ e ‘vagabundos’, diz prefeito de Parnaíba, Mão Santa, sobre profissionais de enfermagem em greve

Por Caroline Oliveira, g1 PI

Prefeito Mão Santa (DEM), de Parnaíba, chama grevistas de enfermagem de 'vagabundos'
Prefeito Mão Santa (DEM), de Parnaíba, chama grevistas de enfermagem de ‘vagabundos’
O prefeito de ParnaíbaMão Santa (DEM), chamou os profissionais da enfermagem, em greve, de “moleques” e “vagabundos”, ao informar que irá cortar o ponto daqueles que continuarem o movimento paredista. As declarações foram dadas durante coletiva de imprensa nesta sexta-feira (26), em seu gabinete, no Litoral do Piauí.
 
A greve da categoria iniciou no dia 10 de novembro, depois que os profissionais fizeram paralisações de advertência sobre o corte da gratificação de combate à Covid-19. E foi encerrada nesta sexta-feira, depois que o Sindicato dos Servidores do Município (Sindserm) foi notificado da ilegalidade da greve pelo Tribunal de Justiça do Piauí.
 
“Não tem greve nenhuma, tem uns moleques, uns vagabundo. Tá tudo funcionando. Quem não quer trabalhar, vou cortar. Onde está a greve? O governo é muito forte. Eles viviam aqui gritando, esculhambando. Cadê, você viu algum grito agora?”, declarou o prefeito Mão Santa.
Em nota, a Superintendência Municipal de Comunicação de Parnaíba informou que o prefeito se referiu “exclusivamente aos servidores que não cumprem seus expedientes como deveriam” e que não faz referência direta aos servidores da saúde. No entanto, na mesma nota, diz que a greve foi declarada ilegal e que caso não cumpram a decisão terão os pontos cortados.
 

O presidente do Sindserm Leandro Lopes, repudiou a fala do gestor municipal e disse que os servidores preparam um ato de repúdio. Ele disse que os profissionais retornaram ao trabalho, depois de doarem sangue como última manifestação em protesto à falta de acordo com a prefeitura.

“Hoje, no último instante da greve, antes de ser suspensa, nós fizemos uma doação de sangue, quando fomos surpreendidos pela coletiva do prefeito, que chamou os profissionais de saúde de vagabundos, arruaceiros e baderneiros, e isso provocou uma grande comoção no município, principalmente nos servidores da saúde, mas também todos os servidores públicos de Parnaíba. O Sindserm prepara um grande ato em repúdio às falas do prefeito Mão Santa. A gente até diz que o sindicato e os profissionais têm respeito pelo prefeito, pela idade dele e não pela postura como prefeito municipal, por isso queremos cobrar mais do que nunca respeito e valorização”, afirmou.

De acordo com Sindicato dos Servidores Municipais de Parnaíba, o movimento paredista teve 70% de adesão, já que 30% deveria continuar trabalhando por ser um serviço essencial. O município possui 100 profissionais de enfermagem e 50 de odontologia que haviam aderido à greve na última terça-feira (24).

Servidores da Enfermagem ficaram em greve por 15 dias em Parnaíba — Foto: Sindserm Parnaíba

Servidores da Enfermagem ficaram em greve por 15 dias em Parnaíba — Foto: Sindserm Parnaíba

A categoria luta por três pautas imediatas que é o retorno da gratificação de combate à Covid-19 e o pagamento para quem não recebia; a recomposição salarial constando na Lei Orçamentária Anual (LOA) que será votada no próximo mês na Câmara Municipal e que não está no projeto; e a reformulação do plano de cargos, carreiras e vencimentos dos profissionais da saúde.

“Então das três pautas uma seria para agora e as outras duas para janeiro de 2022. Infelizmente a gestão optou por judicializar a greve e eles utilizaram a questão da Covid, e a categoria justamente se baseia nisso para manter a gratificação”, argumentou o sindicalista, que vai recorrer da decisão do desembargador Raimundo Eufrásio, do TJ-PI.

O magistrado determinou multa que varia de R$ 10 mil até R$ 100 mil por dia de paralisação caso a decisão não fosse cumprida. Para o desembargador, o perigo da demora na paralisação dos servidores pode gerar um prejuízo irreparável pelo fato da saúde ser um direito básico garantido a todo cidadão.

Repúdio do Coren-PI

O Conselho Regional de Enfermagem do Piauí (Coren-PI) repudiou as declarações do prefeito sobre os profissionais da enfermagem. Em nota, o Conselho destacou que o direito à greve é constitucional e a importância dos profissionais durante a pandemia.

A entidade também ressaltou que as reivindicações dos profissionais são válidas e que irão tomar medidas cabíveis já que não aceita “desvalorização e desrespeito à categoria”.

Promotor de Justiça revela dados alarmantes sobre a criminalidade em Parnaíba

Em entrevista concedida a uma emissora de TV de Teresina nesta sexta-feira (26), o promotor da 8ª Promotoria de Justiça, Rômulo Cordão, deu um dado importante e alarmante sobre a violência na cidade de Parnaíba. Segundo ele, somente em 2021 foram registrados 56 homicídios na segunda maior cidade do estado do Piauí. Cordão ainda afirmou que se esse número for somado aos de casos de latrocínio e tentativas de homicídio, ele pode chegar a 86. 

“As características são as mesmas, pessoas que já responderam por crimes, que são mortas em uma clara ação de execução, onde outras pessoas dão fuga aos criminosos e isso tem acontecido de forma reiterada. Esse ano já batemos 56 homicídios, mas juntando com latrocínio e homicídios tentados, já são 86, então é preocupante”, disse Rômulo Cordão. 

Os dados que chegam a ser assustadores mostram que mesmo com a instalação do gabinete de gestão integrada na cidade, composto pela Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar, Polícia Penal, Polícia Civil, Guarda Municipal e Serviço de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública, os criminosos que tem atuado no litoral piauiense não tem sido intimidados e continuam a realizar as ações criminosas. 

Rômulo Cordão  afirmou que a cidade precisa de ações mais permanentes, como o aumento do efetivo policial para que haja uma redução no índice de criminalidade. “Não adianta medidas paliativas, não adianta ação temporária e isso passa por mais pessoas para investigar. A quantidade de crimes só cresce, são crimes complexos, com envolvimento de várias pessoas, o que requer uma investigação mais aprofundada”, afirmou. (Lucas Zadoque/PCN)

Justiça suspende decreto e vans clandestinas são proibidas novamente

As vans  que circulam sem licitação, as chamadas clandestinas,  estão novamente proibidas de realizar transporte de passageiros no Piauí.

Justiça considerou que o decreto que autorizava o retorno descumpriu decisão do STF e determinou a imediata intimação do secretário estadual de Transporte, Helio Isaias, do diretor de Transporte, Vitorino Tavares e do comandante de Policiamento Rodoviário  para que se abstenham de cumprir o decreto e realize a imediata apreensão dos veículos alternativos clandestinos, mantendo apenas o alternativos que ganharam a licitação de 2013.

Vans clandestinas estão proibidas de circular novamente no Piauí 

Vans clandestinas estão proibidas de circular novamente no Piauí

A decisão afirma ainda que o decreto viola o Estado Democrático de Direito e contraria o STF. Além disso, aumenta a multa para R$ 10.000 00 (dez mil reais) por dia em caso de descumprimento e determina o encaminhamento de cópia do processo ao Ministério Público para abertura de processo por crime de desobediência em caso de novo descumprimento.

De acordo com levantamento, existem atualmente 20 carros clandestinos que circulam no estado. Mesmo com a suspensão do decreto, a população não será afetada porque desde 2015 existem dezenas de vans que venceram a licitação e realizam esse tipo de transporte.

Supremo Tribunal Federal já havia determinado a suspensão desde julho de 2021, por votação de todos os seus Ministros.

A decisão transitou em julgado,  portanto, não cabe mais qualquer recurso e está valendo a partir de hoje.

DEMISSÃO DE TRABALHADORES

Entre os anos de 2015 e 2019, várias empresas de transporte do Estado deixaram de circular e outras reduziram seu tamanho, ocasionando o desemprego de centenas de trabalhadores em razão da circulação de transportes clandestinos.

Quase 50 mil piauienses devem tomar nova dose da Janssen

O Ministério da Saúde emitiu nota técnica sobre a dose de reforço dos indivíduos que receberam o imunizante da Janssen. Segundo a pasta, a recomendação é que seja aplicado o mesmo imunizante em um intervalo mínimo de dois meses, e máximo de seis meses. A Secretaria de Estado da Saúde do Piauí recebeu do Plano Nacional de Imunização 49.800 doses desta vacina, sendo que dessas doses 49.640 foram administradas na população.

A nota técnica ainda explica que a estratégia pontual de aplicação deste reforço vai depender do cenário epidemiológico local e condições específicas da população que receberá o imunizante da Janssen previamente.

De acordo com a Coordenação de Imunização da Secretaria Estado da Saúde do Piauí (Sesapi), a última vez que o estado recebeu lotes do imunizante da Janssen foi em 07 de agosto, onde foram enviadas 1.300 doses. As demais chegaram em 24 de junho (21.250) e 03 de Julho (27.250).

Até o momento, cerca de 2 milhões de doses da vacina da Janssen estão em análise no Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS), a qual há previsão de liberação a partir de 05 de dezembro. A previsão do laboratório é que mais 2,8 milhões de doses sejam entregues no começo de dezembro e o restante até o fim do mês. Essa quantidade de doses são suficientes para a aplicação do reforço de quem se vacinou com a Janssen dentro do intervalo recomendado de até seis meses.

m outra nota técnica o Ministério da Saúde também explica como deve ser feito o reforço em mulheres que tomaram a Janssen previamente e, no momento atual, estão gestantes ou puérperas. As mesmas deverão utilizar como dose de reforço o Imunizante Pfizer, respeitando o intervalo de dois meses, podendo chegar a seis meses.